PUBLICIDADE
Topo

Competição de lanchas elétricas é lançada nos moldes da Formula E

Antonio Alonso

28/09/2020 16h36

O E1 é mais uma opção de competição utilizando a energia elétrica como destaque principal.

Fundador da Formula E, Alejandro Agag idealizou agora uma competição de lanchas elétricas.

Batizado de E1, o evento tem licença exclusiva da UIM (Union Internationale Motonautique) para promover o primeiro e único campeonato de lanchas elétricas pelos próximos 25 anos.

Até 12 equipes irão competir em corridas em mares, rios e lagos ao redor do mundo.

A missão da E1 é trazer a revolução elétrica para a mobilidade aquática, por meio de inovação tecnológica e corridas eletrizantes.

"Acreditamos que a mobilidade elétrica na água é essencial se quisermos ajudar a preservar nossos oceanos, mares e lagos para as gerações futuras".

E1 será um banco de ensaio de tecnologia para a tecnologia de eletricidade marinha, bem como usará corridas eletrizantes para promover os benefícios da navegação elétrica para um público totalmente novo", disse Alejandro Agag no site oficial da categoria.

O evento foi apresentado em parceria com o Monaco Yacht Club.

As lanchas foram criadas pela SeaBird Technologies, do Reino Unido. 

A projetista é Sophi Horne e a promessa é de um design nunca visto no segmento! 

O conceito será desenvolvido em parceria com a SailGP, uma das principais regatas do mundo.

"Esta é uma parceria incrivelmente empolgante que nos permite continuar a acelerar a mudança para um futuro mais limpo", disse o CEO da SailGP, Sir Russell Coutts.

"Somos movidos pela natureza, e SailGP e E1 compartilham um sentido semelhante de propósito de serem exemplos líderes em tecnologia sustentável."

Cada fim de semana de corrida E1 incluirá testes e classificações e, em seguida, uma série de corridas eliminatórias que levará a uma final com apenas um vencedor.

O campeão mundial anual será decidido pelas pontuações acumuladas ao longo da temporada.

Texto: Flávio Perez

Sobre o Autor

Antonio Alonso Jr é capitão amador e cobre esporte há 15 anos, com passagens pela Folha de S.Paulo e por um UOL ainda em seus primeiros anos de vida. Jornalista e formado também em Esporte teve a excêntrica ideia de se dedicar à cobertura náutica, com enfoque para a Vela. Depois de oito anos na principal revista especializada do país, estreia seu blog em novo endereço no UOL.

Sobre o Blog

A vela é o exemplo claro de que o sucesso de um esporte não se mede em medalhas. Ela foi o esporte que mais medalhas Olímpicas deu ao Brasil. Ainda assim, é um esporte desconhecido, com enorme dificuldade de atrair público e restrito a guetos idílicos. Este blog não está interessado em resolver esse problema, mas em trazer mais para perto esse esporte excêntrico, complicado talvez, mas cheio de matizes empolgantes e que coloca atletas e meio-ambiente numa simbiose singular no mundo esportivo. Bem-vindo a bordo.

Blog Sobre as Águas