Sobre as Águas http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br Informação e opinião sobre vela, náutica, navegação e mar em geral. Thu, 21 Jun 2018 01:31:00 +0000 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=4.7.2 Três equipes disputam o título da Volvo Ocean Race 2017-18 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/20/tres-equipes-disputam-o-titulo-da-volvo-ocean-race-2017-18/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/20/tres-equipes-disputam-o-titulo-da-volvo-ocean-race-2017-18/#respond Thu, 21 Jun 2018 01:31:00 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3673

Gothenburg stopover. Skippers Press Conference. 20 June, 2018.

A temporada da Volvo Ocean Race 2017-2018 está na reta final. Nesta quinta-feira (21), começará a última etapa da competição, que ainda não tem um campeão definido. MAPFRE e Team Brunel, ambos com 65 pontos, e Dongfeng Race Team com 64 estão, têm chances de título!.

Será a primeira vez, em 45 anos de história da Volta ao mundo, que o campeonato será definido na última etapa. A perna, que possui 700 milhas de distância, será entre Gotemburgo (Suécia) e Haia (Holanda). Na prática, quem chegar em primeiro leva.

Nesta quarta-feira (20), véspera da prova final, os comandantes se reuniram em entrevista coletiva em Gotemburgo. Sobre o equilíbrio da competição, o comandante do barco Dongfeng Race Team, Charles Caudrelier, disse que está ansioso e confiante para conquista da Volvo Ocean Race.

“É incrível ver três barcos com o mesmo número de pontos. Todos merecem vencer. Estamos animados e prontos. Agora cabe a nós nos esforçarmos e chegar em Haia como campeões”, disse o francês.

Já Xabi Fernández, do MAPFRE, falou um pouco da pressão que o barco tem, já que foi a equipe liderou a competição por mais tempo. “É uma situação incrível. Estou feliz por já estar entre os três barcos da frente. Nós temos uma missão: temos que vencê-los”.

Sobre o Team Brunel, vale destacar a recuperação do barco, que estava em sexto lugar na perna de Auckland, na Nova Zelândia, e conseguiu saltar para segunda posição. “Estamos na briga. Nas últimas etapas fomos os melhores. Agora estou em casa. Moro na Dinamarca há mais de 25 anos. Temos todos os ingredientes para vencer”, disse o Bouwe Bekking, do Team Brunel.

A briga também está na boa na parte de baixo da tabela. SHK/Scallywag está na penúltima colocação com 30 pontos, um a mais que o lanterna Turn The Tide on Plastic. A definição da posição final dos dois barcos também só será definida em Haia, no fim da competição.

Gothenburg stopover. Gothenburg In-Port Race. 17 June, 2018.

]]>
0
MAPFRE ganha título simbolico! Falta a taça desejada http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/18/mapfre-ganha-titulo-simbolico-falta-a-taca-desejada/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/18/mapfre-ganha-titulo-simbolico-falta-a-taca-desejada/#respond Tue, 19 Jun 2018 01:34:14 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3670 No domingo de jogo do Brasil teve a penúltima in-port race da Volvo Ocean Race

Foi em Gotemburgo, na Suécia

Quem venceu foi o Vestas, mas quem comemorou foi o MAPFRE

Com o terceiro lugar do BARCO espanhol , a equipe ganhou por antecipação a competição, que serve como desempate na Volta ao Mundo.

Os espanhóis não são mais ser alcançados.

Falta apenas a In-Port de Haia (Holanda) e o MAPFRE soma 61 pontos contra 50 do Dongfeng Race Team. Como o vencedor de cada prova soma sete pontos, o campeonato está decidido.

Gothenburg stopover. Gothenburg In-Port Race. 17 June, 2018.

“Estamos muito felizes com esse resultado”, disse Xabi Fernández, comandante do MAPFRE. “Hoje é um dia especial para nós. Estávamos planejando navegar nossa própria regata, mas no começo decidimos segurar o Dongfeng e tentar terminar com a série agora”.

Nesta semana tem a largada para Haia

MAPFRE e Brunel estão empatados, com Dongfeng atrás

Quem vencer leva o campeonato…

]]>
0
Pressionado por adversários, Caiçara vence Classe C30 em Ilhabela http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/18/pressionado-por-adversarios-caicara-vence-classe-c30-em-ilhabela/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/18/pressionado-por-adversarios-caicara-vence-classe-c30-em-ilhabela/#respond Mon, 18 Jun 2018 19:24:06 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3666

Disputa palmo a palmo na Classe C30 em Ilhabela (Aline Bassi / Balaio de Ideias)


A Classe C30 garantiu a adrenalina no fim de semana (16 e 17/6) frio e chuvoso em Ilhabela, nas regatas da Copa Suzuki de Vela Oceânica. A segunda etapa, chamada de Warm Up para a Semana de Vela (20 a 28/7), terminou com duas vitórias do Caiçara UV.Line. O barco líder da competição venceu as provas, de percurso no sábado e barla-sota no domingo, sempre pressionado por eCycle+Realizado e Caballo Loco.

Comandada por Marcos de Oliveira Cesar, a tripulação do Caiçara viveu dois dias de superação em Ilhabela. Sábado, o barco resvalou em uma pedra submersa e teve a quilha danificada. Domingo, sem tempo para reparar o dano, a equipe Caiçara UV.Line ainda teve de pagar duas penalidades de 360 graus e mesmo assim cruzou a linha de chegada meio barco à frente do +Realizado.

“O barco velejou machucado na regata de sábado e conseguimos nos manter à frente apesar do acidente. Tivemos rajadas de sul com mais de 20 nós. Domingo, o vento diminuiu de intensidade, com o sueste não passando de 12 nós. Primeiro, segundo e terceiro colocados andaram juntos o tempo todo. Comemoramos muito porque foi uma regata de superação para chegarmos à vitória”, enalteceu Marcos Cesar.

O principal rival do Caiçara, no fim de semana decisivo, eCycle+Realizado, mostrou progresso durante o Warm Up. “Foram dois dias sensacionais, apesar do frio e da chuva, com regatas muito equilibradas. O barco evoluiu como esperávamos. Cumprimos o objetivo e partiremos para cima na Semana de Vela de Ilhabela”, projetou o trimmer (responsável pela regulagem das velas) do +Realizado, Ricardo Apud.

A segunda etapa da Copa Suzuki alimentou a expectativa dos velejadores para a Semana de Vela de Ilhabela que, para a Classe C30, será simultânea ao Campeonato Brasileiro. “Na regata de sábado optamos por fugir do carrossel de barcos, o que nos tirou do baixio. Ao longo do percurso os ventos foram aumentando o que tornou a prova mais divertida. Subimos o Canal de São Sebastião com velocidade de 18 nós. Domingo, tivemos altos e baixos. Largamos bem, andamos bem de popa e conseguimos recuperar as posições perdidas devido às penalidades. Agora é foco total na Semana de Vela e no Brasileiro de C30”, afirmou o proeiro do Caiçara, Gabriel De Capitani.

Com cinco vitórias em sete regatas, Caiçara ganhou a etapa e permanece na liderança da Copa Suzuki com sete pontos perdidos, considerando-se um descarte. Caballo Loco e +Realizado vêm a seguir com 13 pontos, mas com vantagem do Caballo Loco por ter obtido duas vitórias. O quarto colocado na classificação geral é o Kaikias, seguido por Barracuda.

Calendário 2018 da Classe C30

20 a 28 de julho

45ª. SEMANA DE VELA DE ILHABELA

e CAMPEONATO BRASILEIRO

25 e 26 de agosto / 1 e 2 de setembro

XVIII CIRCUITO ILHABELA
Copa Suzuki – 3ª Etapa

24 e 25 de novembro / 1º e 2 de dezembro

XVIII CIRCUITO ILHABELA
Copa Suzuki – 4ª Etapa e
XVII Regata Volta à Ilhabela

]]>
0
Team Brunel vence na Suécia; Volvo Ocean Race está empatada http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/team-brunel-vence-na-suecia-volvo-ocean-race-esta-empatada/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/team-brunel-vence-na-suecia-volvo-ocean-race-esta-empatada/#respond Fri, 15 Jun 2018 01:39:01 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3663

Leg 10, from Cardiff to Gothenburg, arrivals. 14 June, 2018.

O Team Brunel foi vencedor da décima etapa da Volvo Ocean Race, percurso de 1.300 milhas entre Cardiff (País de Gales) e Gotemburgo (Suécia). Na noite desta quinta-feira (14), a equipe de Bouwe Bekking completou a prova em 4 dias, 5 horas e 12 minutos. O MAPFRE finalizou em segundo lugar, um pouco mais de um minuto atrás – 4 dias, 5 horas e 13 minutos.

“Não fizemos escolhas diferentes e vencemos. Não relaxamos, pois estávamos pouco à frente”, contou Bouwe Bekking.

O team AkzoNobel, da brasileira Martine Grael, ficou em terceiro lugar, com 4 dias, 5 horas e 32 minutos de regata. Na sequência chegaram Dongfeng Race Team, Turn The Tide on Plastic e Vestas 11th Hour Racing.

O resultado embola a classificação Volvo Ocean Race 2017-18. MAPFRE e Team Brunel estão empatados agora na liderança com 65 pontos. O MAPFRE leva vantagem no desempate!

”Agora só precisamos vencer a etapa em Haia. Vamos dar nosso melhor”, disse Bouwe Bekking ainda a bordo do Team Brunel nas águas de Gotemburgo.

Se o campeonato terminasse hoje, o MAPFRE seria o campeão. A equipe espanhola lidera as In-Port Race Series, que valem como desempate.

Quarto colocado em Gotemburgo, o Dongfeng Race Team tem 64 pontos, incluindo o ponto extra por ter percorrido mais milhas em menos tempo na Volta ao Mundo.

“Eu imagino que para todos os fãs da regata será uma última etapa muito divertida. Vamos dar tudo o que temos, vamos tentar ganhar a etapa ou mais na frente dos outros dois”, citou Charles Caudrelier, do Dongfeng Race Team.

Porém a decisão fica para a última etapa. A largada da perna entre Gotemburgo (Suécia) e Haia (Holanda) será no domingo (21). A prova de 700 milhas terá um contorno obrigatório em Aarhus (Dinamarca).

]]>
0
Argentino Mad Max na SVI 2018 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/argentino-mad-max-na-svi-2018/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/argentino-mad-max-na-svi-2018/#respond Thu, 14 Jun 2018 21:59:30 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3661 A Semana de Vela de Ilhabela confirmou a primeira equipe estrangeira na edição 2018 do evento náutico.

O barco argentino do Mad Max está inscrito para as regatas de 20 a 28 de julho na classe ORC.

O time é figura carimbada na competição de vela oceânica com o próprio veleiro ou alugando.

Em 2017, por exemplo, o Mad Max de Julián Somodi foi campeão da HPE30 na Semana de Vela de Ilhabela usando o Phoenix de Eduardo Souza Ramos. Em edições passadas, os argentinos trouxeram a embarcação do país vizinho.

”Retornamos com um barco melhorado e muita paixão pelas regatas. A Semana de Vela de Ilhabela é um grande evento, com forte nível técnico. Mas além das profissionais, há equipes que se divertem! Vamos fazer o melhor possível nas provas”, contou Julián Somodi.

O nome Mad Max é relacionado ao filme estrelado por Mel Gibson. Modificações na quilha, leme e no mastro foram feitas no modelo Mumm 36 para correr na classe ORC. A equipe foi quatro vezes campeã da categoria na Argentina.

”A gente é maluco como o cara do filme, levando o barco ao limite. No Brasil vamos correr contra equipes maiores e profissionais. Vamos fazer o melhor possível”, completou Julián Somodi.

Outros barcos de Chile, Uruguai e Argentina devem se inscrever nos próximos dias na competição de vela como nos anos anteriores. Em 2017, a Semana de Vela de Ilhabela contou com 123 barcos.

 Tem Podcast com a entrevista de Julián Somodi 

]]>
0
Empate na VOR http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/empate-na-vor/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/empate-na-vor/#respond Thu, 14 Jun 2018 21:56:52 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3658 O Team Brunel venceu em Gotemburgo!

MAPFRE ficou em segundo.

Agora holandeses e espanhóis empatados com 65 pontos

Um a mais do que Dongfeng Race Team, quarto na Suécia

Tudo fica pra decisão a partir de 21 de junho até Haia com um contorno em Aerhus.

Serão 700 milhas de decisão! Na pratica, quem chegar em primeiro leva o campeonato pra casa

Teremos um campeão inédito: Espanha, Bouwe Bekking ou China

 

]]>
0
Classe C30 corre regatas decisivas em Ilhabela, em ritmo de Copa do Mundo http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/classe-c30-corre-regatas-decisivas-em-ilhabela-em-ritmo-de-copa-do-mundo/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/classe-c30-corre-regatas-decisivas-em-ilhabela-em-ritmo-de-copa-do-mundo/#respond Thu, 14 Jun 2018 21:26:36 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3655

Regata de C30 no contravento (Aline Bassi / Balaio de Ideias)

O fim de semana decisivo para a 2ª Etapa da Copa Suzuki será especial para a Classe C30 e demais tripulações. A programação estará ajustada à estreia do Brasil na Copa do Mundo. Seleção à parte, a emoção estará garantida para os tripulantes da C30. O primeiro fim de semana terminou com os três primeiros colocados: Caiçara, Caballo Loco e eCycle+Realizado, separados por apenas quatro pontos.

No sábado (16) a tradicional canoa de cerveja será acompanhada por estrogonofe após as regatas. Domingo, a primeira largada será antecipada para às 10h30 para que os velejadores retornem ao Yacht Club Ilhabela a tempo de assistir Brasil e Suíça, às 15h, em meio à canoa de cerveja em seguida à premiação da etapa.

Nas cinco regatas do primeiro fim de semana, foram três vitórias do líder Caiçara contra duas do Caballo Loco. “A tripulação do Caiçara UV.Line está ansiosa pela chegada do próximo fim de semana. Nas primeiras regatas da etapa, alguns integrantes da equipe estavam gripados e com febre, o que nos atrapalhou em alguns decisivos. Agora todos estão recuperados e prontos para mais regatas, afirmou Marcos de Oliveira Cesar, comandante do atual tricampeão da Copa Suzuki, Caiçara.

Além de liderar o Circuito Ilhabela de Vela Oceânica, o Caiçara é o primeiro colocado na etapa com cinco pontos perdidos. Caballo Loco soma sete pontos e está à frente do eCycle+Realizado, com nove. Incluindo-se as classes HPE 25, IRC e RGS, 35 barcos correram no primeiro fim de semana da segunda etapa da Copa Suzuki, considerada o Warm Up para a Semana de Vela de Ilhabela (20 a 28/7).

]]>
0
Barco holandês assume a ponta da décima etapa http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/barco-holandes-assume-a-ponta-da-decima-etapa/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/14/barco-holandes-assume-a-ponta-da-decima-etapa/#respond Thu, 14 Jun 2018 19:05:22 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3650

Leg 10, from Cardiff to Gothenburg, day 4 on board Brunel. Alberto Bolzan on the helm. 13 June, 2018.

Faltando menos de 110 milhas para a chegada em Gotemburgo (Suécia), o cenário tem Team Brunel e o MAPFRE disputando a vitória da etapa com diferença mínima entre eles. Os barcos já se aproximam do destino final da décima perna da Volvo Ocean Race 2017-18, a penúltima do campeonato.

A previsão é que os veleiros concluam a prova de 1.300 milhas no fim da tarde desta quinta-feira (14). Atrás dos líderes estão team AkzoNobel, Turn The Tide on Plastic e Dongfeng Race Team, esse último é o primeiro colocado na classificação do campeonato.

Se a etapa terminar assim, Brunel e MAPFRE ficariam empatadas no topo da tabela com 65 pontos, enquanto Dongfeng Race Team, cairia para terceiro na classificação geral com 64 pontos.

“Como vimos em todas as etapas, não termina até você cruzar a linha de chegada”, disse Kyle Langford, do Team Brunel. ”Vimos o lado ruim dessa história em Newport, quando perdemos a etapa faltando 30 segundos. Tudo é possível até o final”.

Os espanhóis do MAPFRE ainda insistem na vitória! “Estamos todos empurrando o máximo que podemos”, disse Antonio ‘Neti’ Cuervas Mons do MAPFRE. “Acho que Brunel encontrou um novo modo que os fez navegar mais rápido que nós. Nós somos talvez mais rápidos que eles a favor do vento”.

A etapa de 1.300 milhas largou de Cardiff, no País de Gales, no domingo (10).

Classificação geral da Volvo Ocean Race

1. Dongfeng Race Team – 60 pontos

2. MAPFRE – 59 pontos

3. Team Brunel – 57 pontos

4. team AkzoNobel – 48 pontos

5. Vestas 11 horas de corrida – 36 pontos

6. SHK / Scallywag – 29 pontos

7. Turn the Tide on Plastic – 26 pontos

* Dongfeng Race Team deve somar 1 ponto por ter percorrido a volta ao mundo em menos tempo

** Se houver igualdade na classificação geral, a tabela da In-Port Race Series será usada para desempate.

Classificação geral das In-Port Race Series

1. MAPFRE – 56 pontos

2. Dongfeng Race Team – 49 pontos

4. Team Brunel – 41 pontos

3. team AkzoNobel – 39 pontos

5. Vestas 11 horas de corrida – 26 pontos

6. Sun Hung Kai / Scallywag – 21 pontos

7. Turn the Tide on Plastic – 17 pontos

Leg 10, from Cardiff to Gothenburg, LIVE from the helicopter day 05. 14 June, 2018.

]]>
0
Ilhabela reduz preços para atender velejadores http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/12/ilhabela-reduz-precos-para-atender-velejadores/ http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/12/ilhabela-reduz-precos-para-atender-velejadores/#respond Wed, 13 Jun 2018 02:13:41 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3647

O pedido dos velejadores surtiu efeito

Depois de algumas reclamações na redes sociais sobre o aumento das inscrições para a Semana de Vela, os organizadores decidiram segurar os preços de 2017.

O comunicado dos organizadores diz o seguinte:

”O Comitê Organizador da 45ª Semana de Vela de Ilhabela confirmou a manutenção das inscrições dos velejadores nos mesmos valores do ano passado. A partir desta terça-feira (12) até 30 de junho, quando acaba a primeira fase, o valor por tripulante passa de R$ 150 para R$ 100. Valor esse com desconto para as tripulações de veleiros que ficarem em seus clubes ou amarras próprias”.

”Todos os barcos que fizeram o processo de inscrição até agora terão a diferença do valor investido devolvida. A medida foi adotada pelo Comitê Organizador da 45ª Semana de Vela de Ilhabela devido a crise econômica vigente e pelo pedido dos velejadores. E só foi possível graças ao apoio e parceria com a Prefeitura do Município de Ilhabela”.

As classes convidadas são ORC, IRC, BRA RGS, Clássicos, C-30, HPE30, HPE25 e Bico de Proa.

]]>
0
Barcos se afastam da Suécia para buscar vento http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/2018/06/12/3642/ Tue, 12 Jun 2018 19:51:21 +0000 http://sobreasaguas.blogosfera.uol.com.br/?p=3642

Leg 10, from Cardiff to Gothenburg, day 02 on board MAPFRE. 11 June, 2018.

A regata entre Cardiff (País de Gales) e Gotemburgo (Suécia) está se tornando uma batalha pelo vento. Para fugir da costa da Irlanda, os barcos optaram por se afastar do destino final, abrindo mais ao mar.

As condições fazem com que a disputa pela liderança da décima etapa da Volvo Ocean Race 2017-18 se torne imprevisível. Menos de 10 milhas dividem as sete equipes.

Nesta terça-feira (12), MAPFRE e team AkzoNobel, da brasileira Martine Grael, se revezam na liderança provisória. Os outros times seguem se afastado do rumo ideal. O único que insiste em beirar a costa irlandesa é o Sun Hung Kai | Scallywag.

A etapa tem ao todo 1.300 milhas e restam ainda 1.000 até a Suécia.

“Tem sido muito complicado desde o início”, disse o comandante do MAPFRE, Xabi Fernández. “Estamos um pouco nervosos em cruzar a cordilheira, estamos tentando ir para oeste o máximo que puder”.

Desde a largada, que ocorreu no domingo (10), os barcos da Volvo Ocean Race sofrem com a maré contrária no mar galês e pelos ventos fracos, que permaneceram até a passagem pela Fastnet Rock, na ponta sul da Irlanda.

Agora, as primeiras equipes que entrarem no vento mais forte terão a oportunidade de se distanciar de seus rivais – e com apenas três pontos separando as três melhores na classificação geral, isso pode ser crucial para o resultado final.

“Três ou quatro dias ainda pela frente e tudo pode acontecer”, disse o proeiro do MAPFRE, Willy Altadil. ”Talvez a Volvo Ocean Race seja decidida nas próximas 10 horas – depois disso o vento vai aparecer e será mais difícil passar”.

A previsão é a entrada de um vento de até 40 nós de rajada e pouca visibilidade em torno da Escócia, uma passagem e tanto ao Mar do Norte.

“A maioria dos barcos está praticamente em linha, do sudeste ao noroeste, entrando na cordilheira”, disse Chris Nicholson, do AkzoNobel.

A previsão de chegada em Gotemburgo é nesta quinta-feira (14) à noite.

Classificação geral da Volvo Ocean Race

1. Dongfeng Race Team – 60 pontos

2. MAPFRE – 59 pontos

3. Team Brunel – 57 pontos

4. team AkzoNobel – 48 pontos

5. Vestas 11 horas de corrida – 36 pontos

6. SHK / Scallywag – 29 pontos

7. Turn the Tide on Plastic – 26 pontos

** Se houver igualdade na classificação geral, a tabela da In-Port Race Series será usada para desempate.

Classificação geral das In-Port Race Series

1. MAPFRE – 56 pontos

2. Dongfeng Race Team – 49 pontos

4. Team Brunel – 41 pontos

3. team AkzoNobel – 39 pontos

5. Vestas 11 horas de corrida – 26 pontos

6. Sun Hung Kai / Scallywag – 21 pontos

7. Turn the Tide on Plastic – 17 pontos

Leg 10, from Cardiff to Gothenburg, day 02 on board Turn the Tide on Plastic. 12 June, 2018.

]]>