PUBLICIDADE
Topo

Resultados finais do Brasileiro de Snipe 2020; Matheus Tavares levou

Antonio Alonso

26/01/2020 12h13

SÚMULA FINAL Reg 1 a 7 final

O 71º Campeonato Brasileiro de Snipe terminou neste sábado (25) no Yacht Club da Bahia (YCB), em Salvador (BA), com o título principal da dupla Matheus Tavares e Flavio Castro.

Os velejadores superaram os bicampeões mundiais Bruno Bethlen e Dante Bianchi com apenas três pontos de vantagem.

A medalha de bronze foi para os baianos Juliana Duque e Rafael Martins.

A competição, que contou com mais de 40 duplas, teve apenas sete regatas devido à falta de ventos durante parte da semana na Baía de Todos-os-Santos. Apenas um descarte do pior resultado foi computado.

"Sabíamos que ia ser competitivo, mas eram muitos nomes fortes na raia, assim como os bicampeões mundial Bruno Bethlen e Dante Bianchi, que ficaram em segundo pouco atrás de nós", disse o baiano Matheus Tavares, campeão mundial de Snipe de 2015.

"Conseguimos ser competitivos em todas as regatas, com exceção de uma. Foram realizadas apenas sete e teve apenas um descarte".

"Por isso velejamos com a corda no pescoço. Fizemos uma média boa e seguramos a onda no final".

O velejador subiu no lugar mais alto do pódio em brasileiros pela segunda vez. Em 2016, Matheus Tavares ganhou o evento ao lado de Gustavo Carvalho.

Já o resultado em Salvador (BA) foi o primeiro título nacional do carioca Flavio Castro na categoria principal.

A dupla foi formada na última hora para correr o campeonato de Snipe.

"Muito feliz pelo Flavio Castro. É um cara dedicado e participativos na classe. Já estava na hora de conquistar esse título", completou Matheus Tavares.

O Brasileiro de Snipe premiou também os baianos Juliana Duque e Rafael Martins como vencedores entre as duplas mistas.

Na dupla júnior, a medalha de ouro foi para Gustavo Abdulklech e João Petersen. O timoneiro carioca foi recentemente campeão mundial jr, em Ilhabela (SP).

A competição contou com as principais flotilhas estaduais do País, como Natal, Maceió, Aracaju, Salvador, Vitória, Rio e Niterói, Ilhabela, Santos, Guarapiranga, Florianópolis e Porto Alegre.

Sobre o Autor

Antonio Alonso Jr é capitão amador e cobre esporte há 15 anos, com passagens pela Folha de S.Paulo e por um UOL ainda em seus primeiros anos de vida. Jornalista e formado também em Esporte teve a excêntrica ideia de se dedicar à cobertura náutica, com enfoque para a Vela. Depois de oito anos na principal revista especializada do país, estreia seu blog em novo endereço no UOL.

Sobre o Blog

A vela é o exemplo claro de que o sucesso de um esporte não se mede em medalhas. Ela foi o esporte que mais medalhas Olímpicas deu ao Brasil. Ainda assim, é um esporte desconhecido, com enorme dificuldade de atrair público e restrito a guetos idílicos. Este blog não está interessado em resolver esse problema, mas em trazer mais para perto esse esporte excêntrico, complicado talvez, mas cheio de matizes empolgantes e que coloca atletas e meio-ambiente numa simbiose singular no mundo esportivo. Bem-vindo a bordo.

Blog Sobre as Águas