Topo
Sobre as Águas

Sobre as Águas

Adiada pelos ventos rondados, Regata Volta à Ilha é atração para Classe C30

Antonio Alonso

29/11/2018 17h04

Kaikias Maserati à frente em Ilhabela (Aline Bassi / Balaio de Ideias)

A Regata Volta à Ilha – Sir Peter Blake, a mais desafiadora do Circuito Ilhabela de Vela Oceânica – Copa Suzuki, será neste sábado (1º/12) se os ventos desta vez permitirem. Na data programada (24/11), os ventos rondados, sem direção definida, impediram que a Comissão de Regatas realizasse a prova de 40 milhas (70 km). A alternativa foi a disputa de três provas barla-sota (entre duas boias) durante o fim de semana.

O equilíbrio marcou a competitiva Classe C30 com vitórias de três barcos diferentes em cada regata: Caiçara UV.Line, líder da temporada e virtual tetracampeão; eCycle +Realizado e Kaikias Maserati. O vice-líder da classe na pontuação geral é o Caballo Loco. Para este fim de semana (1º e 2), finalizando a quarta e última etapa de 2018, a previsão é de ventos de sueste a nordeste, entre 7 e 9 nós, com céu nublado e temperatura variando de 22 a 28°C, conforme o Windguru.

O Kaikias Maserati tem obtido bons resultados e a tripulação formada a partir da Semana de Vela de Ilhabela, em julho, está evoluindo. "Estamos muito animados com a Regata Volta à Ilha, mas por sermos novos na classe vamos ter que nos concentrar e nos esforçar mais do que os adversários. Vários tripulantes nunca participaram desta competição. Vamos fazer o melhor possível para buscarmos uma boa colocação", relata o comandante Eduardo Mangabeira.

O timoneiro do Kaikias Maserati, Beto de Jesus, vem de três importantes vice-campeonatos em outra classe, a HPE 25, com o Fit to Fly: Brasileiro e Semana de Vela em 2017 e Paulista em 2018. "Ainda estamos em fase de conhecimento na classe, ajustando a tripulação. Já percebemos que a velejada do barco é muito boa e estamos curtindo cada momento. A vitória no último fim de semana nos empolgou ainda mais. Estamos felizes com o 'brinquedo novo'. A Regata Volta à Ilha promete. Vamos para cima", exclama Beto.

A programação para 1º e 2 de dezembro prevê a Regata Volta à Ilha – Sir Peter Blake, em homenagem ao neozelandês bicampeão da America's Cup, no sábado e uma ou duas provas curtas no domingo, seguidas pelas premiações da etapa e da temporada no Yacht Club Ilhabela. Nas demais classes em disputa na Copa Suzuki, os líderes da quarta etapa são: Ginga (HPE 25), Montecristo (IRC), Zeus (RGS) e Kabulete (Bico de Proa).

Classificação da 4ª Etapa após três regatas

1 – Caiçara UV.Line (Marcos Cesar): 1+2+4 = 7 pontos perdidos

2 – eCycle +Realizado (José Luiz Apud): 3+1+3 = 7 pp

3 – Kaikias Maserati (Eduardo Mangabeira): 4+3+1 = 8 pp

4 – Caballo Loco (Mauro Dottori): 2+4+2 = 8 pp

Sobre o Autor

Antonio Alonso Jr é capitão amador e cobre esporte há 15 anos, com passagens pela Folha de S.Paulo e por um UOL ainda em seus primeiros anos de vida. Jornalista e formado também em Esporte teve a excêntrica ideia de se dedicar à cobertura náutica, com enfoque para a Vela. Depois de oito anos na principal revista especializada do país, estreia seu blog em novo endereço no UOL.

Sobre o Blog

A vela é o exemplo claro de que o sucesso de um esporte não se mede em medalhas. Ela foi o esporte que mais medalhas Olímpicas deu ao Brasil. Ainda assim, é um esporte desconhecido, com enorme dificuldade de atrair público e restrito a guetos idílicos. Este blog não está interessado em resolver esse problema, mas em trazer mais para perto esse esporte excêntrico, complicado talvez, mas cheio de matizes empolgantes e que coloca atletas e meio-ambiente numa simbiose singular no mundo esportivo. Bem-vindo a bordo.