PUBLICIDADE
Topo

Sobre as Águas

Dongfeng Race Team é o campeão da Volvo Ocean Race 2017-18

Antonio Alonso

24/06/2018 18h11

Leg 11, from Gothenburg to The Hague, arrivals. Dongfeng Race Team wins Leg 11 to take overall victory in Volvo Ocean Race 2017-18. 24 June, 2018.

A Volvo Ocean Race conheceu, neste domingo (24), o campeão da temporada 2017-18. O chinês Dongfeng Race Team conquistou o título ao vencer a última etapa da competição, percurso de 700 milhas entre Gotemburgo (Suécia) e Haia (Holanda).

O resultado foi o mais apertado da história de 45 anos da regata de Volta ao Mundo. O vice-campeão MAPFRE e o terceiro colocado Team Brunel começaram a perna dividindo a liderança na tabela. Os chineses tinham um ponto a menos.

O barco Dongfeng Race Team somou ao todo 73 pontos, incluindo a bonificação extra por ter percorrido mais milhas em menos tempo no acumulado das 11 etapas. O MAPFRE fez 70 e o Team Brunel 69. O AkzoNobel, da brasileira Martine Grael, terminou o campeonato em quarto lugar.

Mas foi nas milhas finais no mar holandês que o Dongfeng Race Team fez a diferença. A estratégia dos franceses Charles Caudrelier e Pascal Bidegorry deu certo na aproximação a Haia. A equipe conta também com a holandesa Carolijn Brouwer, que fala português e morou no Brasil por mais de uma década.

O Dongfeng Race Team ganhou a 11ª etapa com o tempo de 3 dias, 3 horas e 22 minutos. O segundo lugar nesta perna ficou com o team AkzoNobel e o terceiro como o MAPFRE.

Mais informações nas próximas horas.

Sobre o Autor

Antonio Alonso Jr é capitão amador e cobre esporte há 15 anos, com passagens pela Folha de S.Paulo e por um UOL ainda em seus primeiros anos de vida. Jornalista e formado também em Esporte teve a excêntrica ideia de se dedicar à cobertura náutica, com enfoque para a Vela. Depois de oito anos na principal revista especializada do país, estreia seu blog em novo endereço no UOL.

Sobre o Blog

A vela é o exemplo claro de que o sucesso de um esporte não se mede em medalhas. Ela foi o esporte que mais medalhas Olímpicas deu ao Brasil. Ainda assim, é um esporte desconhecido, com enorme dificuldade de atrair público e restrito a guetos idílicos. Este blog não está interessado em resolver esse problema, mas em trazer mais para perto esse esporte excêntrico, complicado talvez, mas cheio de matizes empolgantes e que coloca atletas e meio-ambiente numa simbiose singular no mundo esportivo. Bem-vindo a bordo.

Blog Sobre as Águas