Topo
Sobre as Águas

Sobre as Águas

Semana de Vela volta a ter internacional no nome

Antonio Alonso

2002-04-20T19:20:19

02/04/2019 20h19

Foi Semana de Vela de Ilhabela, Rolex Ilhabela Sailing Week, Ilhabela Sailing Week….

Agora volta a ter Internacional no nome!

A principal competição da modalidade no Brasil chega à sua 46ª edição no período de 13 a 20 de julho.

A primeira prova será a tradicional Alcatrazes por Boreste Marinha do Brasil no domingo. A regata é a mais longa da competição e tem mais de 65 milhas náuticas (percurso original).

No mesmo dia, só que para os barcos menores, saem no mesmo horário a Ilha de Toque-Toque por Boreste e a Renato Frankenthal.

As largadas e chegadas são em frente ao píer da Vila, onde a Prefeitura de Ilhabela montará um amplo espaço com uma programação especial com atrações, palestras e workshops. Todas as premiações serão no local!

ROLEX/Carlo Borlenghi

"Um evento desse porte é impossível fazer sem um planejamento prévio. O trabalho já começou no ano passado e agora a gente trata de vários aspectos, dentro e fora d'água", disse Mauro Dottorri, organizador da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

O comitê organizador da Semana Internacional de Vela de Ilhabela se reuniu na sede de São Paulo (SP) neste mês para definir o planejamento final da regata.

O Aviso de Regata, principal documento contendo as regras e detalhes do evento, deve ser anunciado no mês de abril. As classes C-30, HPE25, RGS, Clássicos, ORC, IRC e Bico de Proa serão convidadas.

O processo de inscrição começa nos próximos dias.

Sobre o Autor

Antonio Alonso Jr é capitão amador e cobre esporte há 15 anos, com passagens pela Folha de S.Paulo e por um UOL ainda em seus primeiros anos de vida. Jornalista e formado também em Esporte teve a excêntrica ideia de se dedicar à cobertura náutica, com enfoque para a Vela. Depois de oito anos na principal revista especializada do país, estreia seu blog em novo endereço no UOL.

Sobre o Blog

A vela é o exemplo claro de que o sucesso de um esporte não se mede em medalhas. Ela foi o esporte que mais medalhas Olímpicas deu ao Brasil. Ainda assim, é um esporte desconhecido, com enorme dificuldade de atrair público e restrito a guetos idílicos. Este blog não está interessado em resolver esse problema, mas em trazer mais para perto esse esporte excêntrico, complicado talvez, mas cheio de matizes empolgantes e que coloca atletas e meio-ambiente numa simbiose singular no mundo esportivo. Bem-vindo a bordo.