Topo
Sobre as Águas

Sobre as Águas

François Gabart quebra recorde

Antonio Alonso

17/12/2017 20h58

O francês François Gabart deu a volta ao mundo em solitário em 42 dias e 16 horas.

Seis dias mais rápido que o recorde anterior de Thomas Coville no ano passado.

O velejador de 34 anos chegou à ilha Ouessant, na França, na manhã deste domingo (17).

Gabart correu num multicasco MACIF, que já veio para o Brasil na Transat Jacques Vabre 2015.

O trimaran navegou por 27.859 milhas, com uma média de velocidade de 27,2 nós.

Ele quebrou outras marcas nessa viagem, como a distância de 851 milhas entre 13 e 14 de novembro.

"Nunca sonhei com um tempo desse", disse Gabart.

As principais marcas do recorde mundial

Data de partida: sábado 4 de novembro, às 10:05 (horário francês, UTC + 1)
Tempo entre Ouessant e Equador: 05 d 20 h 45 min
Tempo entre Ouessant e Cabo da Boa esperança: 11 d 20 h 10 min
Tempo entre Ouessant e Cabo das Agulhas: 11 d 22 h 20 min
Tempo entre Ouessant e Cabo Leeuwin : 19 h 14 h 10 min
Tempo entre Ouessant e Cabo Horn: 29 d 03 h 15 min
Tempo entre as linhas do Equador: 30 d 04 h e 45 min (recorde)
Milhas em 24 horas: 851 milhas náuticas

 

Sobre o Autor

Antonio Alonso Jr é capitão amador e cobre esporte há 15 anos, com passagens pela Folha de S.Paulo e por um UOL ainda em seus primeiros anos de vida. Jornalista e formado também em Esporte teve a excêntrica ideia de se dedicar à cobertura náutica, com enfoque para a Vela. Depois de oito anos na principal revista especializada do país, estreia seu blog em novo endereço no UOL.

Sobre o Blog

A vela é o exemplo claro de que o sucesso de um esporte não se mede em medalhas. Ela foi o esporte que mais medalhas Olímpicas deu ao Brasil. Ainda assim, é um esporte desconhecido, com enorme dificuldade de atrair público e restrito a guetos idílicos. Este blog não está interessado em resolver esse problema, mas em trazer mais para perto esse esporte excêntrico, complicado talvez, mas cheio de matizes empolgantes e que coloca atletas e meio-ambiente numa simbiose singular no mundo esportivo. Bem-vindo a bordo.